Veja mais postagens

20 de maio de 2018

Em Recife, Prefeita Maria José e secretária de Educação de Fronteiras são homenageadas por gestão eficiente

Em Recife, Prefeita Maria José e secretária de Educação de Fronteiras são homenageadas por gestão eficiente



A prefeita do município de Fronteiras, cidade localizada no sertão piauiense, Maria José Ayres de Sousa (MDB) e a renomada secretária de Educação Verônica Maria Pereira Ribeiro, foram condecoradas com a Medalha Alferes Tiradentes – Colar Ouro.
A entrega da importante comenda ocorreu durante a realização do 126° Seminário Brasileiro de prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, procuradores jurídicos, controladores internos, secretários e assessores municipais, que aconteceu nos dias 17 e 18 de maio, no auditório do Recife Praia Hotel-PE.
A medalha é um reconhecimento da população que aprovam a administração da prefeita Maria José frente à Prefeitura de Fronteiras, bem como aprovam em 1º lugar a gestão da professora Verônica, como a melhor secretária da gestão “Mudança com Compromisso”.

O resultado que concedeu a honraria a prefeita e a secretária é fruto de uma pesquisa de opinião pública feita pelo Instituto Tiradentes, via consultas telefônicas, entre os dias 12 e 24 de março em 170 municípios do Nordeste, incluindo o município de Fronteiras.


Para homenagear a prefeita foi levado em consideração os trabalhos que estão sendo desenvolvidos no município, como ações de cunho social, inaugurações e realizações de obras em tempos de crise econômica em que o Brasil atravessa, compromisso de pagar os servidores em dia, incluindo férias, 13º salário, investimentos nas áreas de Saúde, Educação, Cultura, Infraestrutura, Assistência Social, ajuste fiscal e financeiro, redução de gastos desnecessários, entre outros.


Recebi a honraria com muita alegria e dedico essa homenagem a cada fronteirense que acredita no meu trabalho. Estamos vivendo um momento de grave crise econômica, mas é nestes momentos que temos que ter os pés no chão, coragem e determinação para administrar um município com tamanhos problemas como os de Fronteiras. Não tenho me furtado dos meus deveres, as vezes tomando medidas impopulares, mas que são extremante necessárias para a governabilidade. Agradeço a todos que aprovam nossa gestão e continuo a luta em busca de uma Fronteiras, mais justa, humana, igualitária e solidaria”, disse a prefeita por telefone a reportagem do Cidades Na Net.


A secretária de Educação, Verônica Maria Pereira Ribeiro, que vem ao lado da Prefeita Maria José Ayres de Sousa transformando a educação de Fronteiras fez questão de ir receber a honraria que lhe concedida e comemorou a conquista. “Agradeço o empenho, o companheirismo de todos os profissionais da educação e consequentemente a população por aprovarem e reconhecerem o nosso trabalho. Todas as dificuldades encontradas desde que assumimos a gestão da pasta, muda quando vemos um sorriso de uma criança com o transporte escolar, a merenda que estão sendo oferecidos com qualidade. Quando vemos as nossas escolas reformadas, os nossos professores sempre buscando formação. Agradecer de público a prefeita ‘Zezé’, pois sem o aval dela nada se concretizaria, ela está sempre disposta e pronta para execução de ações para a educação de Fronteiras”, disse.


De acordo com informações colhidas no site, o Instituto Tiradentes – renomada empresa brasileira que avalia a opinião pública – condecora com a “Medalha Tiradentes” apenas os políticos e gestores que obtiveram os melhores índices de aprovação nas pesquisas em relação aos serviços prestados à comunidade e que possuam ilibada idoneidade moral.


Fonte: CidadesNaNet
FRONTEIRAS PARTICIPA DA FORMAÇÃO DA BNCC NA UFPI DE PICOS-PI

FRONTEIRAS PARTICIPA DA FORMAÇÃO DA BNCC NA UFPI DE PICOS-PI


A Secretária Muncipal de Educação do Municipio de Fronteiras (PI), professora Verônica Maria Pereira Ribeiro, tendo em vista a importância das Propostas Curriculares, reuniu sua equipe de educadores composta por Diretores, Coordenadores, Professores e  Conselho para juntos participarem de uma formação para Elaboração da Proposta Curricular Municipal 2018. 

O evento aconteceu nos dias 18 e 19 de maio, com o tema “Proposta Curricular Municipal - Esse assunto me interessa?”. Na oportunidade, foram recebidas orientações sobre a elaboração da proposta Curricular baseado nas referências da BNCC – Base Nacional Comum Curricular.


Essa formação tem como intuito contribuir para que o município tenha seu proprio currículo fundamentado de acordo com a sua realidade e de forma democrática com a participação dos professores.

Esta capacitação foi organizada pela professora Risalva Cardodo em parceria com as Secretarias Municipais de Educação dos municipos, que na oportunidade contou com a participação de profissionais de 07 municípios.

A BNCC vem orientando a elaboração dos curriculos das escolas das redes municipais, estaduais e federais de ensino como também das escolas particulares.


Na oportunidade, participaram do evento as professoras Hildegardia Gomes Bezerra(Supervisora Municipal), Francireza Alencar(Presidente do CME), Graça Silva (Diretora do SOUSÃO), Cicera Vanda (Redatora do Centro Infantil), Izaura  Caline (Redadora de Ciências), Inacia Ribeiro (Redatora de Humanas), Maria Solange (Redadora de Matématica), Islamônica de Sousa (Coordenadora do Ensino Infantil), Priscilla Andrade (Coordenadora do Ensino Infantil), Carmem Alencar (Redatora de Educação Física) e Zigele Maria(Redatora de Inglês).

Os redatores estarão se reunindo com os professores da área de ensino para que juntos possam construir um curriculo municipal respeitanto o público de alunos, a singularidade, a equidade e com isso proporcionar um ensino de qualidade, tendo a BNCC como ponta pé inicial.

Confira imagens









19 de maio de 2018

4ª CIA DE POLÍCIA DE FRONTEIRAS-PI (PELOTÃO MIRIM) TRABALHA JOVENS PARA O FUTURO

4ª CIA DE POLÍCIA DE FRONTEIRAS-PI (PELOTÃO MIRIM) TRABALHA JOVENS PARA O FUTURO


Na manhã deste sábado 19/05, O Portal Lagoa do Rato esteve presente na 4ª CIA de Polícia de Fronteiras-PI, para acompanhar de perto o projeto  "PELOTÃO MIRIM", que está sendo executado pela Policia Mititar de Fronteiras sobre o comando do Tenente Gilson Medeiros.

Na oportunidade, o Tenente Gilson Medeiros nos recebeu com cordialidade e nos concedeu entrevista falando do projeto desde a sua criação ao seu andamento. 

Na oportunidade, tomamos conhecimento que o projeto é uma idealização do Juiz, Dr. João Manoel, bem como do Promotor de Justiça, Dr. Edgar dos Santos, que buscaram junto a polícia Militar na pessoa do Tenente Gilson, um projeto voltado para sociedade que pudesse ser trabalhado em Fronteiras com crianças e adolescentes.


Em Fronteiras o "PELOTÃO MIRIM" é composto por 50 integrantes (11 a 17 anos), sob a cooordenação do Capitão Edimilson e supervisão do Cabo Gonzaga, tendo duração de um ano para a sua formação. O capitão Edimilson é o coordenador geral dos pelotões de todos os municipios da região.


De acordo com o Tenente Gilson, o projeto “PELOTÃO MIRIM” trata-se de um projeto que vem oriundo da Polícia Comunitária (sendo uma filosofia e uma estratégia organizacional que proporciona uma parceria entre a população epolícia), desenvolvido pela Polícia Militar do Piauí, pegando o jovem com faixa etárias até os 17 anos que estão em vida escolar ativa, ensinando os bons princípios, os bons costumes, à valorização do patriotismo, o respeito a hierarquia também no âmbito familiar e o respeito a mesma, ou seja, trabalhando na vida desse jovem uma série de atribuições que a polícia vem implementando no “Pelotão Mirim”. O pelotão recebe instruções extracurriculares com orientações militaristas ao seu benefício, com normas a serem respeitadas e seguidas no seu dia a dia.

"Para a realização do projeto, contamos com a participação de diversos profissionais de forma voluntária, onde entre estes podemos citar pedagogos, educadores físicos, entre outros, dessa forma buscando agrega-los cada vez mais à sociedade. A polícia vem fazendo o papel de intermediador,  de agregar os valores sociais junto aos bons profissionais da sociedade e levando a estes jovens. Com isso os tiramos da possibilidade do mundo das drogas, do mundo virtual que eles vivenciam hoje, trabalhando o humanitarismo com palestras, agregando esses valores junto ao conhecimento que eles já têm", relata Tenente Gilson.

O Tenente Gilson vem em constante contato com a diretora da escola onde inicialmente foi implementado o projeto, a professora Girlúcia Leite, bem como alguns pais os quais já detectaram de forma positiva uma evolução no trabalho que está sendo realizado.

"Em 2 meses de trabalho já é possível perceber uma mudança no comportamento desses jovens, ou seja , uma evolução tanto no seio social, familiar e escolar", acrecenta. 

É importante lembrar que o pelotão mirim tem o PROERD inserido dentro dele, tornando o projeto mais coeso e complexo com conhecimentos cívicos, sociais, com auxilio de vários profissionais de áreas distintas agregando o máximo de conhecimento voltados para o público infantojuvenil.

"Nesse primeiro momento, a escola comtemplada foi a Unidade Escolar Nossa Senhora de Fátima. O projeto em sua 2ª fase será trabalhado com alunos da  Unidade Escolar José Aquiles de Sousa (SOUSÃO) e posteriormente as outras", finaliza.

Embora o projeto seja financiado pela Justiça, o municipio entra com sua contrapartida, através da Prefeita Maria José, oferencendo meios para a axecução do projeto, oferencendo apoios como profissionais de todas as áreas, transporte, ambulância, ambiente físico, etc.

Pedagoga Maristela
Hoje, após palestra motivacional do Tenente Gilson e orientações militarista, os jovens estiveram na Unidade Escolar Municipal Nossa Senhora de Fátima para assistir uma palestra com a Pedagoga Maristela, que veio a convite do Capitão Edimilson.

Geralmente, o projeto é desenvolvido aos sábados, domingos e ou feriados, sendo oferecido lanche e almoço para o Pelotão na própria Companhia de Polícia, para dar prosseguimento às atividades durante o dia.

Confira as Imagens: